Software monitora equipamentos em obras

11/06/2021

A empresa de engenharia Allonda desenvolveu software que monitora os caminhões e máquinas que operam em obras do projeto da Sabesp de despoluição do Rio Pinheiros. O dispositivo está instalado em cada um dos equipamentos das obras de esgotamento sanitário nas sub-bacias Cordeiro e Jaguaré e ajuda a reduzir custos operacionais, além de oferecer vantagens ao meio ambiente.

Leo Cesar Melo, CEO da Allonda, explica que, por meio de um software de sistema de identificação de motoristas via RFID, a corporação acessa diversas informações sobre o desempenho de cada um dos automóveis e, assim, tem condições de tomar as medidas necessárias para melhorar sua performance. "Conseguimos acompanhar em tempo real, no aplicativo ou plataforma web, de que forma o motorista está trabalhando, como está conduzindo o caminhão dentro da cidade, se respeita o limite de velocidade, dentre outros aspectos. informações que nos permitem estimular boas práticas de segurança do nosso pessoal, dos transeuntes e dos equipamentos", explica o CEO da Allonda. Os dados coletados podem indicar problemas mecânicos ou a necessidade de manutenção dos veículos, além alertar para o gasto desnecessário de combustível, por circular mais do que deveria ou por ficar parado com o motor ligado. A Allonda considera uma vantagem do ponto de vista ambiental, já que quanto menos tempo ligados, menor a emissão de gás carbono e, consequentemente, a poluição do ar.